Perspectivas de atuação como docente e em foro civil para o especialista em Odontologia Legal

Fábio Elpídio Silva, Wellington Menyrval Zaitter, Mário Marques Fernandes

Resumo


A Odontologia Legal se relaciona com todas as demais especialidades odontológicas, fazendo a ligação entre a Odontologia e o Direito. Dentre as diversas possibilidades de atuação, se encontram a docência, bem como as perícias nos diferentes foros, e nesse contexto, as existentes em âmbito cível, nas quais o especialista é nomeado para conduzir o trabalho pericial em demandas que envolvem muitas vezes a responsabilidade profissional. O presente trabalho tem como objetivo correlacionar dados disponíveis sobre inscritos nas especialidades odontológicas, cursos de especialização existentes, e Faculdades de Odontologia registradas no Brasil, destacando a perspectiva de atuação do especialista em Odontologia Legal em docência e na prática pericial civil. Trata-se de uma pesquisa quantitativa, descritiva e bibliográfica, com levantamento percentual e numérico, para análise da distribuição geográfica de especialistas em Odontologia Legal e comparação com os especialistas em implantodontia e ortodontia, atualmente as especialidades com maior demanda em processos judiciais no Brasil. Paralelamente foi realizado um levantamento numérico dos cursos de graduação e pós-graduação.  A base principal de dados utilizada foi o site do Conselho Federal de Odontologia.  Conclui-se que a Odontologia Legal mostrou um promissor mercado de trabalho, com boas perspectivas de atuação tanto na docência como nas perícias judiciais em âmbito civil.


Palavras-chave


Odontologia Legal. Ética Odontológica. Conhecimentos, Atitudes e Prática em Saúde. Mercado de Trabalho.

Texto completo:

PDF

Referências


Vanrell JP. Odontologia Legal e Antropologia Forense. 2nd ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 2009.

Brasil. Conselho Regional de Odontologia. Resolução CFO 63/2005 C2016 Diério Oficial da República Federativa do Brasil, Brasilia (DF), 2005 abr 19. Seção 1, p. 104. Disponivel em: http://cfo.org.br/.

Silva Md. Compêndio de Odontologia Legal. 1º ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan; 1997.

Pereira AC, Mialhe FL, Pereira SM, Meneghim MdC. O mercado de trabalho odontológico em saúde coletiva: possibilidades e discussões. Arq Odontol. 2010;46(4):232-9.

Lino-Júnior HL, Gabriel M, Daruge-Júnior E, Silva RHAd. Ensino de Odontologia Legal no Brasil: um covite à reflexão. Rev ABENO. 2015;15(2):38-46.

ABOL. ABENO. 2010 Disponivel em: http://www.abeno.org/noticias/noticias020.php.

Zaitter WM. Consequências éticas de comentários sobre trabalhos odontológicos realizados por outro colega de profissão. 2000. Dissertação (Mestrado em Odontologia Legal) - Faculdade de Odontologia, Universidade de São Paulo; 2000.

Petille R, Silva RHAd. Perícia Cível em Odontologia Legal: Credeciamento e honorários do Perito Judicial. RBOL. 2015; 2(2):63-81.

Rosa FM, Fernandes MM, Júnior ED, Paranhos LR. Danos materiais e morais em processos envolvendo cirurgiões-dentistas no estado de São Paulo. RFO-UPF 2012; 17(1):26-30.

Lima RBWe, Moreira VG, Cardoso AMR, Nunes FMR, Rabello PM, Santiago BM. Levantamento das Jurisprudências de Processos de Responsabilidade Civil Contra Cirurgiões-Dentistas nos Tribunais de Justiça Brasileiros. Rev Bras Ciênc Saúde. 2012;16(1):49-58.

Terada ASSD, De Araujo LG, Flores RP, Da Silva RHA. Responsabilidad Civil del Cirujano-Dentista: Análisis de las Demandas Presentadas en el Municipio de Ribeirão Preto - São Paulo, Brasil. Int J Odontosmatol. 2014;8(3):365-9.

Castro ACCd, Franco A, Silva RF, Portilho CDM, Oliveira HCMd. Prevalência e conteúdo das jurisprudências funda-mentadas em erro odontológico nos Tribunais de Justiça do Centro-Oeste brasileiro. RBOL. 2015;2(1):46-52.

Brasil. Conselho Federal de Odontologia. CFO. Disponivel em: http://cfo.org.br/ imprensa/dados-estatisticos/.

Leite VdG. Odontologia Legal Salvador: Nova Era; 1962

Arbenz GO. Medicina Legal e Antropologia Forense Rio de Janeiro/São Paulo: Atheneu; 1988.

Rovida TAS, Garbin CAS. Noções de Odontologia Legal e Bioética. 1a ed. São Paulo: Artes Médicas; 2013.

Silva RHAd. Orientação Profissional para o cirurgião-dentista: ética e legislação. 1a ed. São Paulo: Santos; 2010.

Paula L, Bezera AC. A estrutura curricular dos cursos de Odontologia no Brasil. Rev ABENO. 2003;3:13-6.

Brasil. Ministério da Educação. Resolução CNE/CES 3/2002. Disponível em: http://portal.mec.gov.br/cne/arquivos/pdf/CES032002.

Toassi RFC, Stobäus DC, Mosquera JJM, Moysés JS. Cúrriculo integrado no ensino de Odontologia. Interface Comun Educ Saúde. 2012;16(41):529-42.

Brasil. PRÓ-SAÚDE. [Online].; 2014 [Acesso em 19 abr. 2016]. Disponível em http://www.prosaude.org/.

Silva MAMd, Amaral HL, Senna MIB, Ferreira EF. O Pró-Saúde e o incentivo à inclusão de espaços diferenciados de aprendizagem nos cursos de odontologia no Brasil. Interface Comun Educ Saúde. 2012;

(42):707-17.

Fernandes MM, Bragança DPPd, Oliveira OFD, Franscesquini Júnior L, Daruge Júnior E. O mercado de trabalho para a odontologia nos Ministérios Públicos. Rev Odontol Univ Cid São Paulo. 2009; 17(33):13-6.

Paranhos LR, Ricci D, Almeida Filho RPd, Scanavini MA. Análise do mercado de trabalho odontológico na região norte do Brasil. Rev Odontol Univ Cid São Paulo. 2009; 17(34):27-36.

Paranhos LR, Ricci ID, Scanavini MA, Bérzin F, Ramos AL. Análise do mercado de trabalho na odontológico na região Sul do Brasil. RFO UPF. 2009;14(1):7-13.

Ayach C, Moimaz SAS, Garbin CAS. Auditoria no Sistema Único de Saúde: o papel do auditor no serviço odontológico. Saúde Soc. 2013;22(1):237-48.

Vieira SLG, Miranda GE, Bouchardet FCH, Santos LE. A Auditoria Odontológica nos Serviços de Saúde Suplementar. SALUSVITA. 2014;33(3):331-43.

Aerts D, Abegg C, Kátia C. O papel do cirurgião-dentista no Sistema Único de Saúde. Ciênc Saúde Coletiva. 2004;9(1):131-8.




DOI: https://doi.org/10.30979/rev.abeno.v16i4.351

Apontamentos

  • Não há apontamentos.




ISSN Impresso: 1679-5954

ISSN Online: 2595-0274