Nível de conhecimento de estudantes do curso de graduação em Odontologia sobre cigarros eletrônicos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.30979/rev.abeno.v21i1.1099

Palavras-chave:

Sistemas Eletrônicos de Liberação de Nicotina. Conhecimento, Educação em Odontologia.

Resumo

O cigarro eletrônico vem despontando como uma opção ao cigarro convencional, sendo considerado por alguns como uma alternativa para quem deseja parar de fumar tabaco. Muitos jovens também têm usado o dispositivo em busca de novas experiências, sensações e diversão. O objetivo desse estudo foi avaliar o nível de conhecimento dos alunos do Curso de Graduação em Odontologia da Universidade Federal de Santa Catarina sobre os cigarros eletrônicos, com base em um questionário. Também foram coletadas informações sobre o interesse para experimentar o dispositivo, a abordagem do assunto durante o curso de graduação e a autopercepção sobre o preparo para orientar pacientes sobre este assunto. O questionário foi aplicado em abril e maio de 2019 a 209 estudantes maiores de 18 anos, que foram divididos em 3 grupos: ingressantes (1ª e 2ª fases do curso), intermediários (4ª e 5ª fases) e concluintes (9ª e 10ª fases). A análise descritiva foi realizada em todas as questões, e na estatística analítica assumiu-se o nível de significância de 95%. A análise dos resultados demonstrou que estudantes concluintes possuem mais conhecimento sobre o cigarro eletrônico que ingressantes ou intermediários. No entanto, o nível de conhecimento foi considerado insatisfatório, pois mesmo entre os concluintes apenas cerca de 40% alcançaram o conceito considerado satisfatório (e que corresponderia a pelo menos 60% de acertos). A maioria dos estudantes relatou não ter tido contato com o tema durante o Curso de Graduação. Da mesma forma, a maioria dos concluintes declarou não se sentir preparada para orientar pacientes sobre cigarros eletrônicos. Os resultados deste estudo apontam para a necessidade de o currículo contemplar este conteúdo na formação dos futuros cirurgiões-dentistas, para capacitá-los a orientar seus pacientes sobre riscos e benefícios da utilização dos cigarros eletrônicos

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Eduarda Coelho Guckert, Universidade Federal de Santa Catarina

Cirurgiã-dentista graduada pela Universidade Federal de Santa Catarina.

Caroline Zimmermann, Universidade Federal de Santa Catarina

Doutora em Odontologia (Diagnóstico Bucal) pela Universidade Federal de Santa Catarina.

Maria Inês Meurer, Universidade Federal de Santa Catarina

Professora Associado do Departamento de Patologia da Universidade Federal de Santa Catarina.

Referências

Pinto MT, Pichon-Riviere A, Bardach A. Estimativa da carga do tabagismo no Brasil: mortalidade, morbidade e custos. Cad Saude Publica. 2015 Jun;31(6):1283-97.

Manzoli L, La Vecchia C, Flacco ME, Capasso L, Simonetti V, Boccia S, et al. Multicentric cohort study on the long-term efficacy and safety of electronic cigarettes: study design and methodology. BMC Public Health. 2013 Dec 24;13(1):883.

Hartmann-Boyce J, McRobbie H, Bullen C, Begh R, Stead LF, Hajek P. Electronic cigarettes for smoking cessation. Cochrane Database Syst Rev. 2016 Sep 13;2016(9):178-9.

Adriaens K, Van Gucht D, Declerck P, Baeyens F. Effectiveness of the electronic cigarette: an eight-week flemish study with six-month follow-up on smoking reduction, craving and experienced benefits and complaints. Int J Environ Res Public Health. 2014 Oct 29;11(11):11220-48.

Bullen C, Howe C, Laugesen M, McRobbie H, Parag V, Williman J, et al. Electronic cigarettes for smoking cessation: a randomised controlled trial. Lancet. 2013 Nov;382(9905):1629-37.

Caponnetto P, Campagna D, Cibella F, Morjaria JB, Caruso M, Russo C, et al. EffiCiency and Safety of an eLectronic cigAreTte (ECLAT) as tobacco cigarettes substitute: a prospective 12-month randomized control design study. PLoS One. 2013 Jun 24;8(6):e66317.

Hajek P, Phillips-Waller A, Przulj D, Pesola F, Myers Smith K, Bisal N, et al. A randomized trial of e-cigarettes versus nicotine-replacement therapy. N Engl J Med. 2019 Feb 14;380(7):629-37.

Roditis M, Delucchi K, Cash D, Halpern-Felsher B. Adolescents’ perceptions of health risks, social risks, and benefits differ across tobacco products. J Adolesc Heal. 2016/04/25. 2016 May;58(5):558-66.

Walley SC, Wilson KM, Winickoff JP, Groner J. A public health crisis: electronic cigarettes, vape, and JUUL. Pediatrics. 2019 Jun 23;143(6):e20182741.

Willett JG, Bennett M, Hair EC, Xiao H, Greenberg MS, Harvey E, et al. Recognition, use and perceptions of JUUL among youth and young adults. Tob Control. 2018 Apr 18; tobaccocontrol-2018-

Krishnan-Sarin S, Jackson A, Morean M, Kong G, Bold KW, Camenga DR, et al. E-cigarette devices used by high-school youth. Drug Alcohol Depend. 2019 Jan;194:395-400.

INCA - Instituto Nacional de Câncer. Cigarros eletrônicos: o que sabemos? Estudo sobre a composição do vapor e danos à saúde, o papel na redução de danos e no tratamento da dependência de nicotina. Rio de Janeiro; 2016. 120 p.

Jimenez Ruiz CA, Solano Reina S, de Granda Orive JI, Signes-Costa Minaya J, de Higes Martinez E, Riesco Miranda JA, et al. El cigarrillo electrónico. Declaración oficial de la Sociedad Española de Neumología y Cirugía Torácica (SEPAR) sobre la eficacia, seguridad y regulación de los cigarrillos electrónicos. Arch Bronconeumol. 2014/04/02. 2014 Aug;50(8):362-7.

Sultan AS, Jessri M, Farah CS. Electronic nicotine delivery systems: Oral health implications and oral cancer risk. J Oral Pathol Med. 2018 Dec 14;jop.12810.

ANVISA - Agência Nacional de Vigilância Sanitária. Resolução RDC No. 46, de 28 de agosto de 2009 [Internet]. BRAZIL; 2009 p. 2. [Acesso em: 8 de março de 2021]. Disponível em: http://bvsms.saude.gov.br/

bvs/saudelegis/anvisa/2009/res0046_28_08_2009.html.

Cavalcante TM, Szklo AS, Perez C de A, Thrasher JF, Szklo M, Ouimet J, et al. Conhecimento e uso de cigarros eletrônicos e percepção de risco no Brasil: resultados de um país com requisitos regulatórios rígidos. Cad Saude Publica. 2017/09/28. 2017 Sep 21;33(suppl 3):e00074416.

Phillips JA. Electronic cigarettes: health risks and workplace policy. workplace health saf. 2014/09/11. 2014 Sep;62(9):396-396.

Perrine CG, Pickens CM, Boehmer TK, King BA, Jones CM, DeSisto CL, et al. Characteristics of a multistate outbreak of lung injury associated with E-cigarette Use, or vaping - United States, 2019. MMWR Morb Mortal Wkly Rep. 2019 Oct 4;68(39):860-4.

Vaught B, Spellman J, Shah A, Stewart A, Mullin D. Facial trauma caused by electronic cigarette explosion. Ear Nose Throat J. 2017/03/28. 2017 Mar;96(3):139-42.

Villanti AC, Rath JM, Williams VF, Pearson JL, Richardson A, Abrams DB, et al. Impact of Exposure to Electronic Cigarette Advertising on Susceptibility and Trial of Electronic cigarettes and cigarettes in US young adults: a randomized controlled trial. Nicotine Tob Res. 2015/11/18. 2016 May;18(5):1331-9.

Caponnetto P, Campagna D, Papale G, Russo C, Polosa R. The emerging phenomenon of electronic cigarettes. Expert Rev Respir Med. 2012 Feb 9;6(1):63-74.

Directorate-General for Communication (European Commission). Attitudes of Europeans towards tobacco and electronic cigarettes [Internet]. European Union; 2017. [Acesso em: 08 de março de 2021]. Disponível em: https://op.europa.eu/en/publi cation-detail/-/publi cation/2f01a3d1-0af2-11e8-966a-01aa75ed71a1.

Goniewicz ML, Knysak J, Gawron M, Kosmider L, Sobczak A, Kurek J, et al. Levels of selected carcinogens and toxicants in vapour from electronic cigarettes. Tob Control. 2014 Mar;23(2):133-9.

MacDonald A, Middlekauff HR. Electronic cigarettes and cardiovascular health: what do we know so far? Vasc Health Risk Manag. 2019 Jun; 15:159-74.

Tomar SL, Fox CH, Connolly GN. Electronic cigarettes. The tobacco industry’s latest threat to oral health? J Am Dent Assoc. 2015/09/01. 2015 Sep;146(9):651-3.

Farsalinos K, Romagna G, Tsiapras D, Kyrzopoulos S, Voudris V. Evaluation of Electronic Cigarette use (vaping) topography and estimation of liquid consumption: implications for research protocol standards definition and for public health authorities’ regulation. Int J Environ Res Public Health. 2013 Jun 18;10(6):2500-14.

Czogala J, Goniewicz ML, Fidelus B, Zielinska-Danch W, Travers MJ, Sobczak A. Secondhand exposure to vapors from Electronic Cigarettes. Nicotine Tob Res. 2014 Jun;16(6):655-62.

Prochnow JA. E-cigarettes: A practical, evidence-based guide for advanced practice nurses. J Nurse Pract. 2017 Jul;13(7):449-55.

National Centre for Smoking Cessation and Training (NCSCT). Eletronic cigarettes [Internet]. London (UK): National Centre for Smoking Cessation and Training (NCSCT); 2014. p. 16. [Acesso em: 18 de novembro de 2019]. Disponível em: https://www.ncsct. co.uk/.

Martín Carreras-Presas C, Naeim M, Hsiou D, Somacarrera Pérez ML, Messadi D V. The need to educate future dental professionals on E-cigarette effects. Eur J Dent Educ. 2018 Nov;22(4):e751-8.

Natto ZS. Dental Students’ Knowledge and attitudes about Electronic Cigarettes: a cross-sectional study at one Saudi University. J Dent Educ. 2019;83(10):37-9.

Publicado

12-05-2021

Como Citar

Guckert, E. C., Zimmermann, C., & Meurer, M. I. (2021). Nível de conhecimento de estudantes do curso de graduação em Odontologia sobre cigarros eletrônicos. Revista Da ABENO, 21(1), 1099. https://doi.org/10.30979/rev.abeno.v21i1.1099

Edição

Seção

Artigos