Macromodelos odontológicos impressos em 3D como recurso complementar ao ensino em escultura dentária

Andreia de Oliveira Souza, Daiane Cristina Peruzzo, Fabiana Mantovani Gomes França, Arlete Maria Gomes de Oliveira, Kamilla Rosamilia Kantovitz

Resumo


A diversificação das práticas pedagógicas visa o aprimoramento do processo de ensino. Novas metodologias, que favoreçam o interesse dos alunos e que proporcionem melhor compreensão, podem ser ferramentas importantes no processo ensino-aprendizagem. O objetivo desse estudo foi avaliar a percepção dos estudantes sobre o uso de macromodelos odontológicos, confeccionados com impressora 3D, como recurso complementar de ensino na disciplina Escultura Dentária, no curso de graduação em Odontologia da FACIPLAC. A amostra foi composta por 44 estudantes, matriculados no quinto período. Foram produzidos 44 conjuntos com quatro macromodelos, sendo um incisivo central, um canino, um primeiro pré-molar e um primeiro molar, todos superiores, confeccionados em material plástico colorido e resistente. Os conjuntos foram entregues aos estudantes no início de cada aula e utilizados para demonstração das estruturas anatômicas, visando à melhor fixação do conhecimento, sendo recolhidos posteriormente. Ao final do semestre letivo foi aplicado um questionário relativo ao aproveitamento do uso dos macromodelos, com resposta de 38 estudantes. Os resultados indicam que o uso dos macromodelos foi válido como recurso facilitador da compreensão da técnica de escultura dentária; contribuindo com o processo de aprendizagem em comparação ao uso de diapositivos; destacando as dificuldades no aprendizado; auxiliando na sedimentação dos conceitos das formas geométricas das estruturas dentárias. Os estudantes indicam seu uso,  contudo consideram que não substitui a demonstração prática pelo docente.


Palavras-chave


Escultura. Ensino. Aprendizagem. Impressão Tridimensional. Anatomia.

Texto completo:

PDF PDF (English)

Referências


Kaumaura D, Carvalho GL, Large-Marques JL, Antoniazzi JH. Avaliação do desempenho clínico dos alunos de graduação durante a prática da técnica endodôntica. Rev ABENO. 2003;3(1):33-40.

Perez FG. Linguagem total: uma pedagogia dos meios de comunicação. São Paulo: Sumus; 1978.

Haguenauer C. Metodologias e estratégias na educação à distância. Latec; 2005. [Acesso em 15 dez. 2017]. Disponível em: http://www. latec.ufrj.br/portfolio/at/4%20EAD%20metodologias

Lana ESC. Impressora 3D [monografia]. Mogi das Cruzes: Universidade Braz Cubas; 2014.

Santos A. Tecnologias de informação e comunicação: limites e possibilidades no ensino superior. Anuário da produção acadêmica docente. 2011;5(12):129-50.

Kaczmarek H, Kwiatkowska I, Vukovi. Preparation and characterization of interpenetrating networks based on polyacrylates and poly (lactic acid). Express Polymer Letters. 2012;6(1):78-94.

Borges AB, Pucci CR, Torres CRG, Barcellos DC. Utilização de vídeo como recurso complementar de ensino em dentística operatória. Braz Dent Sci. 2009;12(3):6-10.

Blasca WQ, Maximino LP, Galdino DG, de Campos K, Picolini MM. Novas tecnologias educacionais no ensino da audiologia. Rev CEFAC. 2010;12(6):1017-24.

França EL, Pereira MB, Oliveira PF. O uso de modelos concretos e software no processo de ensino-aprendizagem de geometria molecular e arranjo espacial. XVI ENEQ/X EDUQUI; 2013.

Pertence AEM, Santos DMC, Jardim HV. Desenvolvimento de modelos didáticos para o ensino de desenho mecânico utilizando o conceito de prototipagem rápida. CABENGE. 2001. [Acesso em 15 dez. 2017]. Disponível em: http://cmundoinvisivel.blogspot.com/ 2010/12/desenvolvimento-de-modelosdidatic os.html




DOI: https://doi.org/10.30979/rev.abeno.v18i4.604

Apontamentos

  • Não há apontamentos.


Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição - NãoComercial 4.0 Internacional.

ISSN Impresso: 1679-5954

ISSN Online: 2595-0274